14 de dezembro de 2011

Embolação de vida e texto.



Faz um bom tempo que não escrevo, mas tenho algo que acho que poucas pessoas realmente tem. Escrevo por necessidade de expressão e inspiração e nada mas. Venho comentar sobre como as pessoas são podres, e por completo. Você nasce, cresce, e convive, e sabe que deve zelar sua família e amigos, mas apenas um zelando e não dá.
 A vida pode ser muito bela para algumas pessoas, mas realmente só acredito naquelas que não publicam nada nas redes sociais, a pessoa deve ser tão feliz que não tem tempo para mostrar a sua vida pessoal para os outros. Já aqueles que fazem questão de mostrar que foi para a Europa, etc... Fazem questão de por as mil e quinhentas fotos que tirou lá, até as embasadas. Isso realmente é coisa de pobre, pobre de felicidade.
 Eu sou uma pessoa que ainda não posso dizer que cheguei na felicidade que ainda desejo, porque a minha felicidade realmente depende de algumas coisas que infelizmente ainda não possuo, mas posso dizer que sou feliz, tenho meus momentos, e sou mais feliz do que triste, pois aprendi que reclamar e pensar muito nos problemas só te enlouquece. Aprendi a ignorar, é a melhor coisa a se fazer, mas tem que ter aquele rabo de olho, pois deve se ignorar prestando atenção.

 Minha vida hoje é um pouco acima de médio, pois hoje sei o que é amar (onwt que fofo!). É... a vida não é o mar de rosas, tenho meus amigos e meu namorado HOJE, amanhã eu não sei, e acho que são essas coisas que ainda me mantém. O amor não resolve problemas de ninguém, mas faz com que você esqueça por um tempo e dê risadas sadias. Não sei se é para sempre, realmente e não irei me arrepender de ter escrito isso, pois saberei que realmente amei essa pessoa, eu espero que seja para sempre, se não for terei boas lembranças. Só sei que me mantive desnorteada sem você, e sem você hoje seria tudo pior, antes eu a tinha para me confortar, hoje só você me apóia e realmente acredita em mim e me dá força para todas as coisas. Sei que por você, você faria muito mais, só que temos a realidade de ambos em mãos, junto com o amor, amizade, carinho e principalmente paciência e atrasos, rs.

 Não sei como acabar isso e nem sei se o texto realmente ficou bom, mas é aquela coisa, me deu vontade e inspiração e falei de coisas completamente diferentes. Me deu vontade. FIM!

1 comentários:

Nick Soad disse...

A minha felicidade não depende de coisas que ainda não possuo. Depende de sonhos que ainda não realizei, objetivos que não alcancei, conquistas que ainda não tive.
Mas, se Deus quiser, ainda hei de realizar e fazer pelo menos, metade do que eu quero. *-*

Eu costumo escrever e de repente pulo para outro assunto, sem perceber.
Essas coisas acontecem, quando temos muito a dizer. E um texto só, não basta.

Moça, obrigado pelo teu comentário. Eu gostei muito dos teus textos.
Quero voltar mais vezes.
Muito fofo teu blog, parabéns.
Um beijo:*

p.s: Torço para que você encontre essa felicidade desejada. Muita paz, conquistas, realizações e tudo de bom. <3

Postar um comentário